Saúde da coluna: por que é importante e dicas para cuidar

28 de fevereiro de 2019

|

POR

Dores na costas muitas vezes são ignoradas por já se tornarem cotidianas. Contudo, não buscar ajuda especializada é um dos mais graves erros cometidos por quem sofre com desconforto na região. Entenda porque a saúde da coluna é importante e o que fazer para melhorá-la.

Importância da coluna

A coluna vertebral é o maior complexo músculo-articular do corpo humano, sendo responsável por sustentá-lo na posição ereta e viabilizar a comunicação entre o sistema nervoso central e periférico – por meio da medula espinhal. É formada por músculos, ligamentos, tendões e discos.

Problemas na coluna podem refletir no dia a dia, prejudicando atividades simples como trabalhar, dirigir ou até mesmo lavar louça. Por isso, deve-se prestar bastante atenção nesta área do corpo para evitar o desenvolvimento de acometimentos como escoliose, lordose ou hérnia de disco.

O que prejudica a saúde da coluna?

Alguns hábitos cotidianos prejudicam a saúde da coluna e, portanto, devem ser evitados. O maior vilão é a postura ruim, porém, é possível citar outros, como:

  • Levantar peso de forma inadequada;
  • Realizar atividades físicas sem a correta posição corporal;
  • Excesso de peso;
  • Sedentarismo.

Cuidados necessários

Cuidar da saúde da coluna é cuidar da qualidade de vida. Por isso, evite flexioná-la demais e utilize a força de outros membros – como joelhos e pernas – na hora de executar tarefas agachado, por exemplo.

Algumas mudanças em longo prazo podem ser determinantes na saúde da coluna:

  • Praticar atividade física regular;
  • Manter a musculatura devidamente tonificada;
  • Usar calçados que não prejudiquem a função da coluna;
  • Tomar cuidado ao realizar atividades domésticas com o tronco inclinado;
  • Manter uma alimentação saudável;
  • Usar cadeiras com encosto reto;
  • Cultivar boa postura, principalmente durante a rotina de trabalho.

A principal dica para sempre cuidar da saúde da coluna é procurar um ortopedista mesmo sem sentir algum tipo de desconforto. Uma boa conversa, junto de exames físicos e de imagem, resultam em prevenção de doenças e melhor qualidade de vida.

Fontes

Ortopedista Rodrigo Souza Lima – CRM 141481

Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into). Coluna. Disponível em: www.into.saude.gov.br/dicas-dos-especialistas/coluna