Você sabe por que sentimos dor no joelho no frio?

17 de janeiro de 2018 ● POR Redação

Muitas pessoas sentem dores nas articulações quando a temperatura do ambiente diminui, mas não sabem exatamente por que isso ocorre.

Sabe quando você sente aquela dor no joelho no frio? Ela pode ser explicada basicamente por dois fatores principais. Continue lendo para saber quais são eles.

2 causas para a dor no joelho no frio

Há duas razões que podem explicar a dor que você sente nas articulações do joelho nos dias mais gelados, e a primeira está relacionada com a alteração das propriedades físicas dos fluídos que compõem o corpo humano.

Funciona assim: o líquido que lubrifica as articulações (o chamado líquido sinovial) fica mais espesso quando a temperatura ambiente abaixa, o que dificulta a movimentação e o deslize da articulação.

Isso jé é suficiente para provocar dor ou pelo menos um incômodo em um número significativo de pessoas, mas pode ser ainda mais doloroso em pessoas que têm doenças relacionadas às articulações — especialmente osteoartrose.

A segunda razão, por sua vez, está relacionada com os mecanismos que o próprio corpo desenvolve para tentar diminuir o efeito do frio sobre o nosso organismo.

Então, aqui se enquadram as contrações musculares rápidas e involuntárias (tremores), que buscam produzir mais calor. Como consequência, esse movimento ocasiona em uma tensão elevada na região, que desenvolve para a fadiga muscular e uma sobrecarga nos tendões dos joelhos — o que explica a dor.

O aumento da taxa metabólica para aumentar a produção interna de calor exige um consumo maior de energia, o que também leva à fadiga caso a pessoa não se alimente corretamente. É muito por causa disso que a fome aumenta no inverno, por exemplo.]

Ao mesmo tempo, a redução do fluxo sanguíneo na superfície do corpo (mãos e pés ficam gelados) para evitar a perda de calor diminui a oferta de oxigênio para os tecidos, dificultando a agilidade e a potência da musculatura.

Como evitar e tratar a dor

Um programa de atividades físicas específicas quando o tempo estiver frio pode ajudar e otimizar a irrigação sanguínea, além de aumentar o controle muscular (propriocepção) e a flexibilidade.

Aplicações de laser também permitem que pessoas que já sofram de algum problema na articulação possam tratar as dores e lesões musculares com mais eficiência. Isso porque a tecnologia permite o aumento da irrigação sanguínea diretamente no ponto doloroso.

Ela também ajuda no alívio da dor e do edema na articulação, e pode ser utilizada em casos de artrite reumatoide, osteoartrite, bursite, neurite e espasmos musculares.

Para quem sofre com as dores especificamente por causa do frio pode tentar colocar uma bolsa de água quente na região.