A importância dos alimentos prebióticos e probióticos na digestão

Atualizado em 20 de fevereiro de 2019

|

POR Camila Brogliato

O intestino é lar de trilhões de micro-organismos que têm papéis fundamentais no metabolismo, na função endócrina, neuronal e imunológica.

Por isso, um intestino saudável é fundamental para os processos digestivos, absortivos, síntese de vitaminas e redução da proliferação de bactérias e vírus (70% do nosso sistema imunológico está associado ao órgão). E consumir alimentos prebióticos e probióticos faz parte do rol de bons hábitos para a saúde do órgão.

Entenda o papel do intestino na digestão e como o seu bom funcionamento pode influenciar no seu desempenho.

O caminho da comida

Fisiologia do intestino

Você sabia?

Evidências revelam que um desequilíbrio no intestino pode afetar o desempenho no esporte, pois pode ocorrer uma má absorção de vitaminas e minerais essenciais para atletas, como da vitamina B6 e do zinco.

A vitamina B6 é fundamental para a construção e regeneração do tecido muscular, assim como o zinco, que auxilia no crescimento dos músculos, além de atuar como antioxidante no combate aos radicais livres, compostos que podem prejudicar a recuperação muscular.

Para ter um intestino saudável é necessário incluir alimentos prebióticos e probióticos na dieta, como os que são fontes de fibras, e aumentar a ingestão de água com o intuito de elevar o número de bactérias saudáveis no intestino.

Alimentos prebióticos e probióticos

Mas você sabe quais são os alimentos prebióticos e probióticos? Elaboramos uma lista com os principais, que você confere a seguir: