Meia hora de caminhada pela manhã é tão eficaz quanto remédio para pressão alta, diz estudo

Atualizado em 22 de fevereiro de 2019

|

POR Bruno Botelho dos Santos

Um estudo australiano descobriu que apenas 30 minutos de exercícios matinais podem diminuir a pressão arterial ao longo do dia em homens e mulheres com excesso de peso ou obesidade.

O efeito é semelhante ao uso de medicamentos para controle de hipertensão, embora a comparação entre os dois não tenha sido direta, mas traçada por meio de medidas e evidências anteriores sobre as drogas.

Exercício matinal pode regular pressão arterial pelo resto do dia

A pesquisa publicada pela revista Hypertension, da American Heart Association, foi realizada com 67 homens e mulheres de 55 a 80 anos com sobrepeso ou obesidade.

Os pesquisadores queriam descobrir se o efeito benéfico da atividade matinal sobre a pressão arterial era afetado por longos períodos de repouso durante o dia e pausas curtas e frequentes entre as séries.

Como foi feito?

Os participantes foram divididos em três cenários aleatórios e durante seis dias tiveram que realizar diferentes atividades:

  • Sentado por 8 horas, em que podia se levantar e fazer para pausas apenas para ir ao banheiro
  • Sentado por 1 hora, em seguida, andando por 30 minutos em uma esteira e, por fim, sentado novamente por 6 h e 30 min
  • Sentado por 1 hora, andando por 30 minutos em uma esteira, sentado novamente por 6 h e 30 min, mas com intervalos para caminhar 3 minutos a cada meia hora

A pesquisa foi realizada em um ambiente de laboratório controlado e os participantes comeram as mesmas refeições e tiveram sua pressão arterial e níveis de adrenalina medidos pela manhã e ao longo do dia.

Benefícios principalmente para mulheres

Como resultado, descobriu-se que a caminhada na esteira por 30 minutos pela manhã diminui a pressão arterial em homens e mulheres com sobrepeso ou obesidade.

As mulheres apresentaram maior controle da hipertensão quando, combinavam exercícios matinais com pausas para caminhar por 3 minutos a cada meia hora ao longo do dia. Para os homens, não houve benefício adicional ao fazer essas pausas.

Apesar dos resultados, ainda faltam estudos para confirmar a relação entre caminhadas matutinas e pressão arterial, não sendo recomendado trocar medicamentos anti-hipertensivos pela prática de atividades físicas, mas associá-los.