Hot Yoga: por que você deveria fazer

04 de dezembro de 2017

|

POR Redação

Criada há mais de 40 anos pelo guru indiano Bikram Choudhury, a Hot Yoga é uma vertente da modalidade com foco em exercícios de respiração, equilíbrio e força, mas com a diferença de ambiente: uma sala espelhada e aquecida a uma temperatura de 40°C.

O que chama atenção é justamente a exploração do calor, que permite maior concentração e facilita a execução dos exercícios, além de reduzir a pressão sobre as articulações.

Os vários benefícios da Hot Yoga

Os grandes entusiastas da hot yoga acreditam que o calor na sala afina o líquido sinovial – que é como se fosse o “lubrificante” das articulações – e, consequentemente, ajuda a relaxar os músculos e as articulações, permitindo ao aluno avançar nas posturas com mais profundidade e intensidade.

O alongamento bem feito faz o transporte de sangue e oxigênio ser mais eficaz para os músculos, nervos e tecidos. Vale lembrar que a hot yoga não equivale a fazer exercícios em uma sauna. Os exercícios são realizados em uma sala aquecida a 40°C – e não a mais de 50°C, temperatura usual de uma sauna (úmida ou seca).

Além da facilidade para executar as posturas, a prática dos exercícios no calor ajuda na saúde cardiovascular. Isso porque, em altas temperaturas, as veias e artérias dilatam e fazem o coração trabalhar mais intensamente para bombear o sangue pelo corpo, o que estimula e exercita o músculo desse órgão.

Fora tudo isso a hot yoga também auxilia na perda de gordura, desintoxica o corpo por meio do suor e da compressão dos órgãos internos e fortalece o abdômen e as pernas.

Recomendações básicas

Para quem for fazer hot yoga, é bom ficar ligado em algumas recomendações antes de iniciar as aulas.

  • Faça somente duas a três aulas por semana, de 90 minutos cada;
  • Beba muita água antes e depois da aula. Hidratação é fundamental!
  • Vá para a aula de estômago vazio, mas certifique-se de que comeu algo leve 2 ou 4 horas antes e que não está com fome;
  • Não utilize roupas volumosas. O ideal é usar tops, regatas ou roupas bem leves, como as de praia;
  • Fique descalço.

 

(Fonte: Karina Ruiz, instrutora e proprietária do Yoga Lab; Andrea Wellbaum, proprietária e instrutora do Hot Yoga São Paulo; e Suzana Martins, proprietária e instrutora no Hot Yoga Vinhedo)