Hidroginástica: previne lesões, tonifica músculos e mais

21 de setembro de 2018

|

POR Mariana Amorim

Talvez não pareça, mas a hidroginástica é uma ótima opção de atividade física para quem busca condicionamento físico e trabalho muscular. A modalidade geralmente é realizada dentro da piscina, mas também pode ser feita em outros ambientes aquáticos, como lagos.

Para que seus efeitos sejam realmente eficientes, o praticante precisa realizar os movimentos com a água até, pelo menos, a linha do tórax. Assim, o atrito com o líquido potencializará os resultados musculares e cardiovasculares.

Veja, a seguir, motivos para incluir a hidroginástica em sua rotina:

Benefícios da hidroginástica

Não prejudica as articulações

A maioria dos exercícios aeróbicos, aqueles que trabalham o sistema cardiovascular e potencializam a queima de gordura corporal, acabam afetando, em certa medida, as articulações do praticante. Isso porque o impacto pode prejudicá-las, principalmente quando não há massa magra suficiente para proteger a região. É o caso de atividades como a corrida.

Nesse sentido, a hidroginástica sai na frente e é um dos exercícios que, por ser realizado dentro da água, possui impacto zero. Por isso, é indicada para quem está acima do peso e precisa preservar as articulações, idosos com mobilidade reduzida, grávidas etc.

Melhora da flexibilidade

A hidroginástica auxilia a melhora da flexibilidade do corpo devido ao aumento da amplitude de movimentos e de músculos e articulações mais relaxados.

Melhora a circulação

A atividade potencializa a contração muscular e, como resultado, o coração funciona de forma mais eficaz. Dessa forma, há uma melhora na circulação sanguínea no corpo todo.

Tônus

A hidroginástica não é a atividade ideal para quem procura músculos desenhados. No entanto, auxilia, sim, na definição do corpo.

Relaxamento

Além dos benefícios fisiológicos da atividade, há ganhos mentais e emocionais para os praticantes. Por se tratar de uma atividade feita, geralmente, em grupos, a sociabilidade promove o relaxamento, o bem-estar e a diminuição do estresse emocional.

Emagrece?

 

Aula de hidroginástica.

AMA/Shutterstock

A professora de hidroginástica da rede de academias Cia Athletica, Elaine Matias, conta que a hidroginástica pode ser uma grande aliada da perda de peso.

“Hoje em dia, a hidroginástica está mais modernizada e conta com várias estratégias de treinamento, tanto na parte técnica, quanto no uso de equipamentos”, comenta ela, em entrevista.

Por isso, além dos benefícios conhecidos, como a melhora da resistência respiratória e do sistema cardiovascular e o aumento da flexibilidade, da coordenação motora e da saúde mental, a hidro pode, sim, promover grande queima calórica.

“Uma aula de hidro queima em média 400 a 600 calorias”, conta a especialista.

No entanto, ela pondera que, para um emagrecimento efetivo, é preciso equilibrar outros aspectos da rotina, como a alimentação equilibrada.

Hidroginástica para idosos

O impacto reduzido não danifica a densidade mineral óssea do idoso, ajudando tratamentos de osteoporose. “Também há outro fator importante, o risco de quedas e fraturas na hidro é baixíssimo”, diz Elaine.

Além disso, o trabalho cardiovascular na água é muito indicado por cardiologistas para quem tem hipertensão e outros problemas cardíacos. Isso porque a hidroginástica, por exemplo, aumenta o retorno venoso do sangue.

Hidroginástica na gravidez

A hidro ajuda as gestantes a se manterem ativas. A prática é excelente para evitar o aumento exagerado de peso na gestação e também ajuda no fortalecimento muscular.

A pressão hidrostática, adquirida pela prática dentro da água, promove uma agradável massagem no corpo, estimulando a circulação periférica, liberando líquidos retidos (melhorando possíveis inchaços nas pernas e pés), além de melhorar o funcionamento do aparelho respiratório.

O empuxo também é uma propriedade física da água, ajudando na diminuição do peso corporal durante o exercício, o que alivia a sobrecarga na coluna e nas articulações sem prejudicar o bebê.

Hidroginástica para obesos

O empuxo é a força oposta à gravidade que atua sobre o corpo de baixo para cima, diminuindo o peso corporal dentro da água. “Por isso, a redução de peso de um obeso é maior que a de outras pessoas, assim um indivíduo com 120 kg pode emagrecer até 70 kg, diminuindo a sobrecarga nas articulações”, afirma Elaine.

Esse importante fator, aliado aos outros benefícios de emagrecimento da hidroginástica, torna este exercício um grande contra a obesidade.

Contraindicações

A hidroginástica não tem contraindicações e pode ser feita por qualquer pessoa, sem restrições de faixa etária ou doenças.

No entanto, para a maior segurança do praticante, recomenda-se apenas avisar ao professor antes do início da aula se tiver alguma limitação, assim ele pode programar o treino da maneira mais adequada para você.

Qual roupa usar?

 

Aula de hidroginástica.

Pashin Georgiy/Shutterstock

Existem diversos tipos de roupas adequadas para a prática da hidroginástica, desde o maiô mais tradicional ou com shorts, chamado macaquinho, até mesmo biquínis estampados esportivos. Há também opção de sungas e shorts esportivos para homens.

“A regra é se sentir confortável para fazer os exercícios”, aconselha a educadora física.

No entanto, é preciso ter atenção a acessórios de segurança, como as meias de hidroginástica com solado emborrachado, que evitam choque térmico com superfícies frias e facilitam os exercícios em pisos escorregadios.

As toucas de natação também são indispensáveis para manter a higienização do ambiente.