Farinha de amendoim: benefícios, como fazer e usar

21 de setembro de 2018

|

Amendoim, um alimento tão contraditório mas tão amado, agora pode ser consumido em outra forma: como farinha. Contraditório pois muitos acham seu consumo inaceitável, enquanto, na verdade, pode ser muito benéfico ao organismo. Tudo depende de como e quanto o amendoim será ingerido, pois seu teor calórico é alto.

Por este motivo, o uso da farinha de amendoim é uma boa estratégia para garantir a ingestão de todos os nutrientes e controlar a quantidade ao medir algumas colheres que podem ser incorporadas a preparações, iogurtes e frutas, por exemplo. Saiba mais:

Como fazer?

A farinha de amendoim deve ser feita a partir do alimento torrado e descascado, sem adição de sódio. Assim, o consumidor obterá uma boa quantidade de nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo.

Benefícios

A primeira característica importante da farinha de amendoim é o auxilio na construção muscular, já que esse grão é rico em proteínas. Além disso, a presença de gorduras monoinsaturadas e poli-insaturadas contribui no controle de colesterol total, LDL e triglicerídeos, função semelhante ao azeite de oliva.

Minerais como cálcio, ferro, magnésio, potássio e vitaminas do complexo B e E são encontrados neste alimento.

Como usar?

O mais interessante é que essa farinha pode ser usada em preparações, tais como pães e panquecas, e, ao observarmos o comparativo com a farinha de trigo integral, ela contém menor teor de carboidratos e maior teor de proteína.

Uma boa ideia é utiliza-la para preparar receitas low carb e proteicas!

Farinha de amendoim X farinha de trigo integral

A farinha de amendoim tem 26,10g de proteína, 17,35g de carboidratos, 0,28g de lipídeos e 163,5 kcal. Já a farinha de trigo integral tem 6g de proteína, 37g de carboidrato, 50g lipídeo e 180 kcal.

Os textos, informações e opiniões publicadas nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo Saúde

Paula Stempniewsky

Paula Stempniewsky

Nutricionista formada pelo Centro Universitário São Camilo, em 2009, e pós-graduada em Nutrição Clínica pelo IMEN, sou especialista em emagrecimento e experiente em desportistas e em dietas vegetarianas e veganas. Sou também programadora neurolinguística pelo instituto Instituto Nacional de Desenvolvimento Pessoal (INDP) desde 2010, Coach formada pelo Nutritional Coaching em 2016 e atualmente faço formação em Ayerda e Culinária pela Clínica Dhanvantari. Realizo atendimentos que englobam um trabalho integrado com pilates, estética, yoga, danças, acupuntura e moda vegana. No Instagram como @paula_fitti