Zinco gera 5 benefícios para saúde e está presente em vários alimentos

Atualizado em 17 de setembro de 2019

|

O zinco é o segundo elemento mais abundante no corpo humano, sendo essencial para funcionamento de mais de 300 enzimas e tendo ação estrutural e reguladora. Esse mineral é importante para a vida humana, promovendo diversos benefícios à saúde. Saiba quais são e onde encontrar zinco na alimentação:

Benefícios do zinco

Previne envelhecimento precoce: o zinco tem importante papel antioxidante que contribui para a eliminação dos radicais livres do corpo, sendo essencial na prevenção do envelhecimento precoce.

Combate vírus: tem ação benéfica para o sistema imune, contribuindo para a ação antiviral.

Favorece fertilidade: apresenta importante papel na ação de fertilidade, uma vez que é necessário para a maturação do esperma, ovulação e fertilização.

Melhora cognição: no sistema nervoso central, auxilia na memória e concentração.

Melhora sistema gastrointestinal: auxilia na digestão e absorção de nutrientes, além da produção de ácido clorídrico, que é essencial para uma boa digestão.

Deficiência de zinco

A deficiência de zinco pode levar a vários sintomas, como alteração na pele e formação de acne, uma vez que o mineral é um importante combatente de bactérias causadoras de espinhas.

Unhas fracas e quebradiças, bem como queda de cabelo também podem acontecer pela expressão gênica das proteínas. Além disso, há chance de falta de apetite, alterações no paladar, disfunções imunológicas, atraso na maturação sexual e produção inadequada de hormônios masculinos.

Onde encontrar zinco na alimentação?

É possível manter os níveis de zinco sadios por meio de alimentação saudável e variada. As principais fontes do mineral são:

  • Ostras
  • Leveduras
  • Carne bovina
  • Frango
  • Peixe
  • Oleaginosas
  • Semente de abóbora
  • Castanhas-de-caju
  • Tubérculos
  • Frutas
  • Hortaliças

Como sugestão para ter uma alimentação rica em zinco, consuma no café da manhã iogurte com abacate e farelo de trigo, bem como inclua nos lanches intermediários (junto das frutas) sementes de abóbora, amêndoas e castanhas-do-Brasil.

Já nas grandes refeições, como almoço e jantar, vale consumir arroz integral, feijão, uma porção de carne bovina ou frutos do mar e uma bela salada variada.

Suplementação de zinco

O zinco em cápsulas é indicado para pessoas com carência do mineral e aquelas que têm problemas metabólicos. Apesar dos benefícios, é recomendado conversar com médicos ou nutricionistas sobre a posologia e a necessidade de suplementação, já que excessos podem piorar problemas de saúde já existentes.

Os textos, informações e opiniões publicadas nesse espaço são de total responsabilidade do autor. Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Ativo Saúde

Marília Sussaio

Marília Sussaio

Nutricionista formada pela Universidade Federal do Triangulo Mineiro, pós graduada em Nutrição Clinica Funcional pelo Istitudo Vp, coach de emagrecimento pelo Nutrition Coach. Acredito em uma alimentação baseada em comida de verdade e de fácil aplicação. Tenho experiência em atendimentos em consultório e palestras e sou apaixonada por transformar vidas por meio dos alimentos. CRN3 39892