Ora-pro-nóbis: planta que vale por um bife tem muita proteína e ainda emagrece

12 de março de 2019

|

POR

Bastante conhecida e consumida na região de Minas Gerais, a ora-pro-nóbis é chamada de “bife de pobre” por ser um alimento extremamente nutritivo e proteico, além de muito barato. Conheça esta planta pouco difundida no restante do País, benefícios, como incluí-la na alimentação e como cultivá-la.

O que é?

Pereskia aculeata, popularmente chamada de ora-pro-nóbis, é uma planta do tipo trepadeira, também conhecida como orabrobó e labrobó.

É espinhosa e bastante resistente, desenvolvendo-se com facilidade em diferentes tipos de solo, até nos menos úmidos e férteis.

Tipos

  • Pereskia aculeata – o tipo mais comum, ora-pro-nóbis com flores brancas;
  • Pereskia aculeata var. godseffiana – menos comum, ora-pro-nóbis com flores douradas.

Propriedades

  • Importante fonte de proteínas e cálcio;
  • Fonte de vitaminas A, B e C;
  • Alto índice de ácido fólico;
  • Fonte de fósforo, cálcio e ferro.

Benefícios

  • Cicatrizante;
  • Tratamento para doenças de origem inflamatória, gastrointestinais e circulatórias;
  • Ajuda no processo digestivo e intestinal;
  • Poder depurativo;
  • Revigorante;
  • Promove saciedade;
  • Ajuda a recompor a flora intestinal;
  • Fortalece os ossos e dentes;
  • Evita prisão de ventre, constipação, hemorroidas e até tumores;
  • Importante agente contra a anemia;
  • Regenerativa;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Aliada da saúde da pele e da visão.

Contraindicação

Não existem contraindicações ao consumo da planta. Somente pessoas que apresentem algum tipo de alergia a seus componentes não devem consumi-la, contudo seus índices de toxicidade são praticamente nulos.

Ajuda a emagrecer?

Sim. Um dos fatores favoráveis ao emagrecimento está diretamente ligado à grande quantidade de fibras presente na ora-pro-nóbis.

Em uma dieta equilibrada, as fibras são essenciais para prolongar a sensação de saciedade, fazendo com que o indivíduo coma menos nas refeições.

Grávidas podem consumir a planta?

Não há contraindicação para grávidas consumirem ora-pro-nóbis, pelo contrário, sua grande concentração de ácido fólico é essencial para evitar problemas de saúde ao bebê.

Cultivo

Folhas de ora-pro-nóbis.

simona pavan/ShutterStock

A planta pode ser cultivada facilmente em qualquer tipo de solo, em quintais, jardins ou até vasos.

Em primeiro momento, deve-se posicionar a muda em uma terra fértil, com grande acesso à água e ao sol. Após o enraizamento, a muda tem de ser levada ao local definitivo.

Embora não necessite de grandes quantidades de adubação, é indicado manter o solo sempre com bom nível de matéria orgânica para o desenvolvimento da planta.

Já as podas devem ocorrer a cada 75 ou 90 dias nas estações mais chuvosas e a cada 90 a 100 dias nas estações de seca, deixando-a com 1 a 1,30 metro de altura.

A partir do terceiro mês após o plantio, pode-se iniciar a colheita das folhas de ora-pro-nóbis, tomando cuidado com seus espinhos.

Como incluir na alimentação

Incluir ora-pro-nóbis na alimentação pode ser mais simples do que parece. A planta pode ser utilizada no preparo de sopas, cremes, cozidos pães e chás.

Receitas com ora-pro-nóbis

Chá de ora-pro-nóbis

A mistura pode ser consumida uma vez ao dia a fim de usufruir dos benefícios que a planta oferece.

Ingredientes

  • 5 folhas de ora-pro-nóbis desidratadas
  • 300 ml de água
  • Mel ou adoçante natural a gosto (opcional)

Modo de preparo

Em uma chaleira, ferva a água.

Acrescente as folhas de ora-pro-nóbis e deixe ferver por 10 minutos.

Se preferir, adoce com mel ou adoçante natural.

Farinha enriquecida com ora-pro-nóbis

A farinha pode servir como base para pães, bolos, tortas, panquecas, entre outras delícias.

Ingrediente

Grande quantidade de folhas de ora-pro-nóbis

Modo de preparo

Deixe todas as folhas em local seco e fresco, até que estejam totalmente desidratadas.

Em seguida, triture-as até formar uma farinha.

Guarde o conteúdo em um pote de vidro com tampa e utilize-o nas preparações.

Fontes

Nutricionista Andrea de Oliveira Marim – CRN 15233

Globo Rural. Como plantar ora-pro-nóbis. Disponível em: www.revistagloborural.globo.com/vida-na-fazenda/como-plantar/noticia/2013/12/como-plantar-ora-pro-nobis.html