Benefícios do iogurte: 3 razões para incluir na dieta

22 de dezembro de 2017

|

POR Redação

Iogurte é um alimento fermentado e rico em nutrientes que pode ajudar (e muito) a deixar a dieta mais saborosa e também mais saudável.

Abaixo, você confere algumas boas razões para colocar o iogurte na dieta — e aprender a melhor forma de consumi-lo também, claro.

Benefícios do iogurte no dia a dia

1. Ajuda na perda de peso

Muitas vezes, quando bate aquela fome no meio da tarde, as pessoas acabam atacando doces e outras guloseimas ricas em calorias e extremamente pobres em nutrientes (as chamadas calorias vazias).

Só que, com o tempo, essa prática pode levar ao aumento de peso e de gordura corporal.

Isso porque, mais do que calorias, nosso corpo precisa de nutrientes para trabalhar com mais eficiência. Tomar iogurte com fruta picada, então, seria uma bela alternativa nesse intervalo.

Além de ser uma excelente fonte de proteínas, que ajudam na manutenção dos músculos, o iogurte também é muito rico em cálcio, que ajuda na contração muscular e combate as cãibras causadas pela deficiência desse nutriente.

Alguns estudos já comprovaram também que o cálcio pode contribuir também para a perda de peso.

2. Fortalece a imunidade

O iogurte ajuda a fortalecer o sistema imunológico. Isso ocorre porque ele é fonte de probióticos, que ajudam a combater as bactérias nocivas que entramos em contato e equilibram nossa flora bacteriana.

Infelizmente, a pasteurização mata a maioria das bactérias, e, por isso, o uso de iogurte caseiro é, sem dúvida, uma ótima alternativa quando o assunto é imunidade.

3. Rico em diversos nutrientes

Além de proteínas e cálcio, que nós já mencionamos, o iogurte também contém fósforo, riboflavina, iodo, zinco, vitamina B5 e B12.

Esta última é boa especialmente para os ovolactovegetarianos, que, por terem tirado proteína animal de sua alimentação, precisam suprir suas necessidades de vitamina B12 de outras fontes.

A deficiência desta vitamina, inclusive, está ligada à anemia, à ocorrência de dores musculares e à falta de memória e também de concentração.

Receita de iogurte caseiro

Nunca fez iogurte caseiro? Então veja essa receita.

Compre um termômetro culinário e cepas probióticas, que você acha em lojas de produtos naturais. Se não encontrar, você pode fazer o iogurte a partir de um pote de iogurte integral, sem sabor, comprado em supermercados, para 1 litro de leite de vaca (preferencialmente orgânico).

Além de mais saudável, é mais econômico, e você pode variar seu consumo da maneira como sua imaginação pedir!

 

*Nutricionista paulistana formada em 2001 e pós-graduanda em Nutrição Ortomolecular, Priscila Di Ciero é especialista em nutrição esportiva, com cursos de extensão em nutrição funcional, estética e suplementação. Atualmente, presta consultoria a restaurantes, escolas e empresas, além de atender em consultório e, quando necessário, nas residências dos clientes. Acesse o site de Priscila Di Ciero aqui.