Benefícios da amêndoa, receitas e suas propriedades

26 de junho de 2018 ● POR Gustavo Frank

Repletas de nutrientes, as amêndoas podem ser facilmente inseridas na dieta, principalmente pela variedade com a qual podem ser preparadas, sendo elas: raladas, inteiras ou como leite, óleo e farinha.

Uma de suas grandes virtudes está em seu sabor neutro, que a possibilita ser misturada com outros alimentos, desde iogurtes até saladas. Essa característica abre um leque de opções para seu consumo frequente em todas as refeições, tendo em vista todos os benefícios agregados pelo alimento, adquirido facilmente em supermercados ou lojas de produtos naturais.

Os benefícios da amêndoa podem ser notados de diferentes formas no corpo. Pele, cérebro e coração são alguns dos beneficiados por suas propriedades que são consideradas remédios naturais para o organismo. Aqui, vale apontar que seu papel no combate à osteoporose, colesterol e o diabetes é fundamental, graças a suas altas taxas de gorduras monoinsaturadas, cálcio e fibras.

Propriedades nutricionais

Embora a sua quantidade de cálcio e fibras sejam elevadas, vale ressaltar que elas também possuem outras propriedades importantes para o bom funcionamento do organismo e corpo, como:

  • Gorduras monoinsaturadas;
  • Carboidratos;
  • Proteínas;
  • Fibras;
  • Cálcio;
  • Potássio;
  • Magnésio;
  • Ferro;
  • Zinco.

Quais são os principais tipos de amêndoas que existem?

Existem dois tipos de amêndoas: as doces e as amargas. Geralmente, as doces são destinadas ao uso cosmético e gastronômico, enquanto as amargas possuem componentes tóxicos, como a amigdalina, substância que é convertida em ácido cianídrico ou cianeto no corpo.

Quando usadas, em pequenas quantidades, o óleo das amêndoas amargas ajuda no tratamento de infecções de pele, além de ser muito empregado na elaboração de aromatizantes. Vale ressaltar que seu consumo como alimento é impróprio.

Benefícios da amêndoa

O consumo de amêndoas traz inúmeros benefícios para a saúde, como o controle da taxa de colesterol no corpo, devido as suas gorduras benéficas. Nesse processo, o colesterol bom, conhecido também como HDL, retira moléculas de gordura do sangue, diminuindo também o risco de ataques cardíacos.

Além desse, outros benefícios das amêndoas são:

  • Controle da diabetes, isso acontece devido às suas fibras que aumentam a viscosidade do conteúdo intestinal e limitam a absorção da glicose;
  • Prevenção de doenças cardiovasculares, devido às suas propriedades naturais que promovem o relaxamento dos vasos sanguíneos e o equilíbrio da pressão arterial;
  • Retardamento do envelhecimento da pele, os antioxidantes são os responsáveis nesse caso e estão presentes na casca, então não as descarte;
  • Fortalecem os ossos, com a maior absorção de cálcio, os ossos ficam mais resistentes com a melhora da síntese do colágeno e previne a osteoporose;
  • Promove energia para o corpo, os nutrientes das amêndoas ajudam a converter suas calorias em energia durável para a prática de exercícios físicos, por exemplo.
  • Prevenção do câncer de cólon, dado analisado pela Universidade da Califórnia a partir de uma pesquisa onde foi comprovada a importância dos antioxidantes presentes nas amêndoas que neutralizam os radicais livres e recuperam as células danificadas.

Ajuda a emagrecer?

Apesar de conter gorduras, que são benéficas e saudáveis para o corpo, as amêndoas fazem com que a sensação de saciedade seja maior a partir do seu consumo. Isso significa comer uma pequena porção, com poucas calorias e níveis de carboidrato, e já se sentir satisfeito.

Tais gorduras contribuem também para o funcionamento do metabolismo, ainda maior quando aliada à prática de exercícios físicos e hábitos alimentares saudáveis.

Quanto comer por dia e quais são seus malefícios?

De acordo com uma pesquisa feita pelo Journal of Nutrition, a quantidade ideal para se consumir em um dia são 35 mg, que devem ser fracionadas ao longo do dia, não ingeridas de uma só vez.

Se consumida em excesso, pode acabar tendo o efeito contrário e levar ao ganho de peso. Por isso é fundamental reforçar, mais uma vez, a importância de uma vida saudável como acompanhamento.

Outros sintomas do consumo exagerado são flatulências, visão turva, diarreia, letargia, dores de cabeça e tonturas, dependendo da quantidade ingerida.

Comer amêndoa crua faz mal?

Isso é um mito. Elas podem ser consumidas cruas ou torradas. O único alerta é adquirir de um lugar de origem confiável, pois a higienização do alimento – assim como o de qualquer outro – é essencial para evitar o contágio por bactérias.

Receitas com amêndoas

Bolo integral de maçã e amêndoas

Ingredientes

  • 3 colheres de sopa óleo de girassol;
  • 2 colheres de sopa óleo de coco;
  • 1 xícara de chá de açúcar mascavo;
  • 3 ovos;
  • 1 maçã verde grande descascada e cortada em cubos;
  • 1/2 xícara de aveia em flocos;
  • 1/2 xícara de chá de amêndoas laminadas;
  • 1/2 xícara de chá de uva passa;
  • 1 xícara de chá de farinha de trigo integral;
  • 1 colher de sobremesa de canela em pó;
  • 1 pitada de sal e 1 colher de sopa de fermento em pó.

Modo de preparo

  1. Misture tudo até obter uma massa homogênea;
  2. Transfira para uma assadeira untada com manteiga;
  3. Asse em forno pré-aquecido 200ºC durante 25 minutos.

Telha de amêndoas

Ingredientes

  • 2 claras de ovo;
  • 60 g de açúcar;
  • 60 g de farinha;
  • 30 g de manteiga derretida;
  • 50 g de amêndoas em lâminas.

Modo de preparo

  1. O primeiro passo é espalhar as amêndoas e leve ao forno a 150°C, deixando que dourem por aproximadamente dez minutos;
  2. Feito isso, coloque as claras em uma tigela e bata com açúcar, até que fique lisa e cremosa;
  3. Coloque a farinha, pouco a pouco, mantendo o movimento de batida, seja com um fouet ou o batedor, até que ela não seja perceptível;
  4. Junte a manteiga derretida até formar uma mistura homogênea. Cubra e reserve na geladeira por 1 hora;
  5. Aqueça o forno para 180°C;
  6. Coloque 3 colheres de sopa rasas de massa sobre uma placa bem espaçada;
  7. Use uma colher para espalhar a massa e deixá-la redonda;
  8. Salpique a superfície de cada círculo com amêndoas;
  9. Leve ao forno por cerca de 5 minutos, até que fiquem douradas;
  10. Retire as telha, ainda quente, utilizando uma espátula e coloque-a sobre um rolo de abrir massa ou sobre uma garrafa de vidro;
  11. Monte a telha e coma ainda fresca, de preferência.