Mindful eating: dicas e benefícios da técnica que controla o peso

30 de maio de 2019

|

POR Grupo Oncoclínicas

Uma das práticas comportamentais para auxiliar no controle do peso é o mindful eating. Já ouviu falar sobre ele? Nada mais é que o comer com consciência: perceber e estar atento ao que está acontecendo no momento da refeição, de modo a prestar atenção ao corpo, aos pensamentos e às sensações.

A médica Regina Fumante Chamon e a nutricionista Priscila Po Yee Cheung explicam mais sobre a técnica, usada para controle de porções e redução de desejos alimentares, índice de massa corporal (IMC) e peso.

O que é?

Comer com atenção se refere a manter consciência sem julgamento das sensações físicas ou emocionais que o ato de se alimentar proporciona. Assim, a sensibilidade fica aumentada para sinais físicos de fome (seja ela física ou emocional), saciedade, ritmo de se alimentar, ambiente onde se come e características dos alimentos (aromas, texturas e sabores).

Benefícios

Pessoas que praticam a técnica se mostram menos propensas a apresentar comportamentos alimentares compulsivos e geralmente consomem menores porções de alimentos de alta densidade calórica, mostram estudos (2).

Isso ocorre pois há uma via direta de conexão entre o que passa na cabeça e o que acontece no corpo. Um artigo científico recente (1) demonstrou que quando estamos submetidos a estresse ocorre alteração de substâncias do organismo relacionadas à fome e saciedade, entre elas a leptina, a grelina e o cortisol.

Cada organismo responde de uma maneira, assim há dois comportamentos comuns: ao se perceber em uma situação desafiadora algumas pessoas perdem a fome, enquanto outras ficam com vontade enorme de comer. Geralmente, as mulheres têm maior tendência a comer doces, já os homens buscam bebidas alcoólicas.

Quando esses eventos estressantes são passageiros não há tanta interferência com o hábito alimentar, mas quando o estresse é crônico ou surge em vários pequenos eventos subsequentes o padrão alimentar pode ser profundamente afetado, o que ocasiona sobrepeso, obesidade, resistência à insulina e até mesmo diabetes mellitus.

Por isso, estar atento às necessidades do organismo é fundamental e, para isso, o mindful eating é uma ferramenta excelente!

Dicas de mindful eating

Algumas dicas de mindful eating para colocar em prática:

  • Se concentre no momento da refeição para que não haja distrações;
  • Ouça seu corpo e pare de comer quando estiver satisfeito;
  • Coma quando seu corpo manda comer (quando a energia está baixa ou o estômago roncando);
  • Foque na ação e aproveite o que estiver comendo;
  • Leve em conta de onde vem sua comida;
  • O foco não é pensar nas calorias, mas ter pensamento e memórias a respeito do alimento.

Alimentar-se não é só uma questão de repor nutrientes nem tão pouco de compensar frustrações, por isso vale aprender a se reconectar com seu corpo.

Leia mais

Fontes

Nutricionista clínica Priscila Po Yee Cheung, do CPO- SP e pós-graduada em Nutrição Clínica Funcional -VP Consultoria Nutricional e aprimoramento em Nutrição Clínica no IEP-HSL.

Dra. Regina Fumante Chamon, médica pós-graduada em Bases da Medicina Integrativa pela Instituição Israelita de Ensino Albert Einstein, docente do curso de facilitador de Meditação da Faculdade de Medicina da Unifesp e responsável pelo serviço de Medicina Integrativa do Centro Paulista de Oncologia. CRM 120010

1) Ans A H, Anjum I, Satija V, et al. (July 23, 2018) Neurohormonal Regulation of Appetite and its Relationship with Stress: A Mini Literature Review. Cureus 10(7): e3032.

2) Carolyn Dunn1 et al. Mindfulness Approaches and Weight Loss, Weight Maintenance,and Weight Regain. Current Obesity Reports (2018) 7:37–49

3) Centro Brasileiro de Mindful Eating (mindfuleatingbrasil.com.br)