Como fazer lentilha? Confira dicas incríveis de preparo!

22 de março de 2018 ● POR Lucas Coelho

Muito lembrada aqui no Brasil, especialmente nas festas de final de ano como símbolo de sorte e fortuna, a lentilha é uma leguminosa – ou seja, um grão que vem de uma vagem – repleta de importantes nutrientes para a nossa saúde.

Entre eles estão a proteína vegetal, ferro, fibras e também diversos minerais (cálcio, zinco e vitaminas do complexo B). Essa lista de riquezas garante diversas características relevantes à lentilha, que é um alimento barato, fácil de encontrar em qualquer mercado e simples de preparar.

Abaixo, separamos algumas dicas de como fazer lentilha, além de uma lista de seus principais benefícios para o organismo. Confira!

Como fazer lentilha?

Segundo a nutricionista Lia Giro, por ser um grão já bastante macio, a lentilha não precisa ficar de molho antes de começar o preparo.

No entanto, deve-se observar se há pedrinhas e outras coisas indesejáveis dentro do pacote e fazer uma boa lavagem em água corrente antes de levar a lentilha à panela.

  • Em fogo médio, cozinhe na proporção 1 medida de lentilha para 2 de água;
  • Quando levantar a primeira fervura, irá aparecer uma espuma branca que precisa ser retirada com uma escumadeira, pois ela pode formar gases intestinais;
  • Em seguida, pode repor a água que for retirada junto da espuma;
  • Mantenha a água fervendo por até 30 minutos em fogo brando e sempre com as lentilhas cobertas;
  • Se precisar, reponha novamente com água quente. Deixe a panela destampada para evitar passar do ponto;
  • Quando tudo estiver no ponto, desligue o fogo. Se quiser comer com caldo ou fazer uma sopa, tempere na panela mesmo com o que preferir;
  • Se quiser comer apenas os grãos – para usar em saladas, por exemplo – escorra logo que tirar do fogo até sair toda a água para interromper o cozimento.

Opções de tempero

Para temperar, é importante que as lentilhas já estejam cozidas, mas ainda quentes, pois assim absorvem melhor os sabores.

Temperos utilizados no feijão também caem bem com a lentilha. Cebola ralada e alho amassado refogados no azeite são ótimos acompanhamentos. Se preferir algo mais simples, uma pitada de sal já ajuda.

Mantendo a lentilha saudável

“É importante ressaltar que não se deve colocar linguiça, bacon ou qualquer outro tipo de gordura animal se quiser todos os benefícios da lentilha”, alerta a nutricionista.

“Além disso, o consumo indicado é de uma a três porções de uma concha média por semana. A lentilha é ótima opção no planejamento alimentar, mas comer todos os dias pode causar um excesso de minerais, o que não é saudável”, completa.

Sem contraindicações

Seguindo os passos do preparo, especialmente em relação à retirada da espuma que se forma durante a fervura, não há contraindicações relevantes para o consumo de lentilhas.

Como qualquer alimento, pode eventualmente ocorrer uma intolerância para alguém. Neste caso, recomenda-se diminuir as porções e ver se há melhora. Se não, procure um especialista.

Como consumir?

A lentilha é quase sempre usada como acompanhamento no prato. Então, seu status “fit” ou “light” depende também dos demais ingredientes e alimentos que irão junto no prato.

Ela fica ótima com saladas – sem o caldo – acompanhada de cenoura ralada, salsão, tomate e cebola bem picadinhos. Já numa sopa de lentilha, vale acrescentar vagem, cenoura, chuchu e até pedacinhos de frango.